Make your own free website on Tripod.com

DAMAS

O jogo de damas utiliza-se do tabuleiro de xadrez. Joga-se também com pedras pretas e brancas. Há campeonatos deste esporte, jogando-se em tabuleiros de 100 ou64 casas. O Brasil já possui uma tradição nessas disputas, tendo participado do Mundial de 1992, na França. Também disputamos o Pan-Americano, em Curaçao. O maior campeão nacional é Lélio Marques Luzes Farcedo, também grande mestre nacional.

O jogo de damas é de origem européia. Os historiadores dão conta de seu surgimento na França, daí ele ganhou primeiro a África do Norte e ainda hoje é um dos melhores passatempos dos muçulmanos.

Esporte de Salão

O jogo de damas exige muita atenção dos jogadores, que fazem avançar suas pedras para o campo inimigo a fim de conquistar espaços e "comer"as peças deles. O jogador que chega a última linha recebe uma pedra sobre a sua e ela passa a ser uma dama, que tem mais liberdade de movimentação. Há regras no jogo que variam, como por exemplo, a "pedra"adversária em direção frontal. Apenas uma dama pode"comer"pedras saltando casas, e as demais pedras tem poder igual, diferentemente do xadrez. Elas só podem "comer"a pedra adversária quando estão lado a lado, e aí a pedra em vantagem pula a "casa". Podem-se eliminar pedras adversárias, várias em seqüência. Ganha quem eliminar as pedras contrárias ou "fechá-las" sem condições de movimentação. O Brasil já teve, em São Paulo, torneios populares de damas reunindo muitos jogadores. A exemplo do xadrez, também existem as partidas simultâneas, quando um jogador enfrenta vários concorrentes. O maior damístico foi o norte-americano Walter Hellman, com oito títulos mundiais, de 1948 a 1975.   
 
 

 Fonte: Damas/ Todos os Esportes do Mundo - Orlando Duarte - Makron Books

Veja também:

Xadrez - Tênis de Mesa

[ Voltar para página inicial de esportes ]